7 cachoeiras no Rio de Janeiro para lavar a alma!

7 cachoeiras no Rio de Janeiro para se aventurar e renovar a alma!

Que as praias do Rio de Janeiro são maravilhosas, todo mundo sabe, afinal são um dos pontos turísticos do Brasil mais procurados, seja por pessoas daqui ou por estrangeiros. Mas você sabia que, além dessa natureza litorânea, há outras paisagens de tirar o fôlego? Pois é! O estado é abrangido pela Mata Atlântica, então a flora e a fauna são riquíssimas.

Se você ama se aventurar pela natureza, encontrar espaços mais escondidos e respirar o ar puro que só os biomas podem oferecer, há diversas cachoeiras no Rio de Janeiro. Você pode visitá-las e fugir um pouco da badalação das praias, ou trocar de ambiente para se refrescar em dias quentes.

Assim, a Blueman preparou uma lista cheia de opções. Por isso, pegue o papel e a caneta para anotar os destinose se organizar para sua próxima aventura na cachu. Bora? Vamos lá:

1. Cachoeira do Escorrega – Vila da Maromba

Localizada no distrito de Itatiaia, a Vila da Maromba tem uma cachoeira super conhecida, a do Escorrega, cujo acesso se dá pela RJ-163. A distância do centro do estado é de cerca de 200 quilômetros. O nome vem do tobogã natural de pedra lisa, com 30 metros de extensão. Como a região tem montanhas com alta altitude, é comum que as águas dessa e de outras cachoeiras presentes sejam bem geladas. E lá tem um bar, estacionamento e outras atrações por perto, então, para um dia bem quente, é um ótimo lugar!

2. Cachoeira Conde D’eu – Sumidouro

Essa cachoeira não poderia faltar na nossa lista, afinal é uma das maiores do estado, com cerca de 127 metros de queda de águas com alto volume. O volume é tão grande que causa um alto impacto, formando nuvens de água que, quando recebem a luz do sol, formam diversos arco-íris.

Localizada em Sumidouro, cerca de 160 quilômetros de distância do centro carioca, para chegar até lá, você deve pegar a RJ-148 e ficar atento(a) à placa que indica a cachoeira. Quando encontrá-la, siga em sua direção por uma estrada sem asfalto até onde conseguir. Depois, estacione e siga pela trilha a pé.

3. Cascatinha Taunay – Floresta da Tijuca

Apesar de ser uma atração super conhecida, a lei determina que é proibido entrar nas águas dessa cachoeira. Mas não significa que não seja um passeio bom, afinal, essa é considerada uma das maiores do Parque Nacional da Tijuca, com 35 metros de extensão. Ela fica cerca de 10 quilômetros do centro do Rio. Para chegar até ela, pegue sua estrada, que fica a, mais ou menos, 500 metros do portão do Parque Nacional. Não se preocupe que há estacionamento e banheiro!

4. Cachoeira dos Treze – Petrópolis

Quer ir a uma cachoeira no Rio de Janeiro que proporcione um bom banho? Essa é a certa! A Cachoeira dos Treze não conta apenas com uma, mas duas quedas, sendo que a primeira tem 15 metros e a segunda tem 30. Para ir até essa beleza natural, basta seguir a estrada de Petrópolis e Teresópolis, ela fica exatamente no km 19, do lado direito. A trilha é curtinha, leva 5 minutos ou menos!

5. Cachoeira do Robertão – Barra Mansa

Com duas quedas com 10 metros de altura, essa cachoeira do Rio de Janeiro é muito linda. Seu formato em C cria algo parecido como um buraco com águas verdes claras e pouco profundas. Ela se localiza em Barra Mansa, no distrito de Amparo, cerca de 133 quilômetros, e pode ser acessada pela estrada para Santa Isabel.

6. Cachoeira dos Primatas – Floresta da Tijuca

O nome vem dos vários micos que ficam na região, felizes em seu habitat natural. Essa cachoeira se localiza na Floresta da Tijuca, setor B, sendo parte da Bacia Hidrográfica da Lagoa Rodrigo de Freitas. Se você selecioná-la como seu destino, deve subir a rua Sara Viela e, depois, o Horto até encontrar a trilha e seguir por ela. É um belo passeio e renderá fotos incríveis!

7. Cachoeira da Jornada – Cachoeiras do Macacu

Conhecida também como Chapadão, essa é uma enorme cachoeira no Rio de Janeiro. Ela possui uma queda de 65 metros, mas tem um poço raso e volume de água bem baixo. Para banho, acaba não sendo uma boa alternativa, vai mais para um passeio entre as belezas da Mata Atlântica. Ela está na Reserva Ecológica do Guapiaçu, que pode ser acessada pela BR 122 até o km 32, onde há uma estrada. Para chegar até a queda, é preciso caminhar 3 quilômetros.

E então, você já conheceu alguma dessas? Se não, prepare a sua bolsinha de aventuras, leve água, comida e uma toalha, caso possa se molhar, e aproveite! E não se esqueça de preservar sempre os espaços naturais, ok? Precisamos cuidar de nossas belezas nacionais!

Se não for do Rio e quiser passar umas férias na praia, saiba que temos costas lindíssimas. Aliás, temos vários posts sobre praias cariocas por aqui. Não deixe de conferir depois e programar o seu tão merecido descanso. Para outras dicas de moda praia, conhecer mais destinos e outros assuntos, continue nos acompanhando semanalmente. Até!